Acesso

voltar

janelaaviao

“Dentro de poucos segundos estaremos no Galeão…”
O verso de Tom Jobim, eternizado no “Samba do avião”, acabou por motivar a inclusão do maior nome da bossa nova brasileira ao sobrenome do Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro/Galeão – Antônio Carlos Jobim. Nas duas pistas – de 4.000 metros, a maior do Brasil, e de 3.180 metros – pousam e decolam cerca de 230 voos diários – entre nacionais e internacionais.

Voos das principais companhias ligam regularmente o Rio de Janeiro às principais capitais do mundo. Miami e Nova York estão acerca de 9 horas de